13 de dezembro de 2012

Como diminuir o Financiamento do Imóvel com 13º.

imoveis a venda



Utilizar o 13º para quitar o financiamento imobiliário, é uma excelente possibilidade dizem especialistas.







O financiamento imobiliário é um deles, as instituições financeiras oferecem aos mutuários duas opções na hora de diminuir a dívida: manter o mesmo prazo financiado com redução do valor das parcelas mensais ou manter o valor das parcelas mensais e reduzir o tempo de financiamento.

Segundo especialistas, para quem não tem dívidas, a melhor opção é diminuir o tempo de financiamento já que, assim, o mutuário irá pagar um valor menor de juros.

"É sempre melhor diminuir o prazo porque quanto menor o tempo para pagamento, menor o valor gasto", diz a advogada Daniela Akamine, especialista em direito imobiliário. Segundo Daniela, a amortização pode ser feita a qualquer tempo, mas os bancos exigem que o valor mínimo para pagamento seja equivalente ao valor de uma parcela mensal.

Para o presidente da Associação Brasileira dos Corretores de Empréstimo e Financiamento Imobiliário do Canal do Crédito (Abracefi), Marcelo Prata, diminuir o valor das parcelas pode ser interessante para os mutuários que estão tendo dificuldade em arcar com as despesas da casa e estão recorrendo a outras linhas de crédito. 

imoveis a venda


"Nesses casos, é melhor optar por uma parcela mensal mais baixa, já que o crédito imobiliário é uma dívida mais barata que outras do mercado", afirma Marcelo Prata.




A advogada Daniela Akamine concorda que caso o mutuário esteja com dívidas, tais como: cartão de crédito e cheque especial, o melhor é pagar primeiro esses, que têm taxas de juros mais altas do que a do financiamento imobiliário. 

Segundo a Anefac, as taxas de juros médias do cartão de crédito no terceiro semestre de 2012 foram de 228,17% ao ano e as taxas do cheque especial foram de 153,22%. Já os juros de financiamento imobiliário variaram entre 7,7% e 12% ao ano mais Taxa Referencial (TR).

Conforme Daniela, o banco não pode se recusar a receber o pagamento antecipado e todos os contratos já trazem esse tipo de previsão. "Caso enfrente alguma dificuldade em efetuar os pagamentos, o mutuário deve procurar os órgãos de defesa do consumidor", diz.

Confira agora o procedimento para amortizar dívida nos seis principais Bancos do País:

1. Banco do Brasil. 

No Banco do Brasil, para realizar uma amortização extraordinária ou liquidação antecipada o mutuário deve procurar a agência em que mantém sua operação de crédito imobiliário e pagar, no mínimo, ao valor de uma prestação atualizada. 

imoveis a venda



O cliente pode fazer a opção entre a redução do valor da prestação ou do prazo do financiamento.





A amortização é sempre efetuada de forma decrescente, da última prestação para a primeira, no caso de redução de prazo.

2. Bradesco.

Os clientes do banco que querem fazer a amortização devem entrar no site e optar por um dos dois tipos de liquidação antecipada. O valor a ser amortizado deverá estar disponível na mesma conta corrente em que ocorre o débito mensal das prestações do financiamento imobiliário, segundo o banco.

3. Caixa Econômica Federal. 

De acordo com a Caixa, o pagamento antecipado dos contratos de financiamento imobiliário pode ser feito em qualquer agência do banco. 

A opção não é válida em financiamentos do Par Aquisição: Fundo de Arrendamento Residencial do Programa Minha Casa Minha Vida (famílias com renda mensal de até três salários mínimos). Para efetuar a transação, o banco exige que o contrato esteja com pagamentos em dia na data da solicitação.

4. HSBC.

imoveis a venda



Conforme o banco, o cliente pode se dirigir a qualquer agência do HSBC e fazer as simulações de amortização.




Tanto no número de parcelas quanto do saldo devedor. O mutuário precisa se identificar com CPF e RG e a agência gera o boleto para pagamento.

5. Itaú.

O cliente de crédito imobiliário Itaú que quiser amortizar parte de sua dívida deve entrar em contato com o Imobfone, pelo telefone 11-4004-7051, de segunda a sexta, das 9h às 18h. O atendente orientará o cliente sobre qual o procedimento e documentação necessária para atender a demanda.

6. Santander

Para fazer uma amortização extra ou liquidação antecipada, o cliente precisa entrar em contato com a assessoria de Crédito Imobiliário pelos telefones (11) 3553-4058 (Estado de São Paulo), (21) 3460-1304 (Estado do Rio de Janeiro) e 0800-286-0909 (demais localidades). 

No caso de amortização, ele informa o valor a ser amortizado e no caso de liquidação, a assessoria informa o saldo devedor. Após isso, a central irá enviar o boleto para que o cliente realize o pagamento.

Serviços Relacionados:



Por: Bruna Saniele.

Edição e Publicação | Equipe | Imovel e Dicas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu Nome e Email ao final da Mensagem, caso deseje alguma informação específica.

Atenciosamente.

Brasil Brokers Enjoy