25 de abril de 2013

Incluindo os gastos das Reformas no IR.

Reformas IR



Incluir os gastos com as obras no IR pode evitar que o contribuinte pague mais imposto quando Vender o Imóvel.






A menos de uma semana para o fim do prazo, dez milhões de pessoas ainda não fizeram a declaração do Imposto de Renda:

Além dos bens e rendimentos, o contribuinte deve declarar qualquer obra feita nos imóveis. Isso pode evitar que o contribuinte pague mais imposto quando vender o imóvel.

A lista de gastos de quem reforma parece não terem fim. “Ferro, cimento, tinta, tijolo”, afirma o aposentado Joaquim Correia Pedro. Quando a obra começa, dificilmente fica só no planejado. “Eu ia começar uma conservação simples e tive que mudar uma área de tamanho e troquei piso, fiz pintura”, explica o aposentado.

A benfeitoria deixa a casa ou o apartamento mais bonito e também mais valorizado. Os gastos com material de construção e mão-de-obra para reforma de um imóvel próprio podem ser incluídos na declaração de bens do Imposto de Renda, e isso traz vantagens para o proprietário.

Se um imóvel que esteja na declaração do contribuinte tiver o valor de R$ 100 mil, e ele tiver gasto R$ 20 mil em uma obra, a despesa com a reforma vai ser incluída na declaração de bens. No ano seguinte, o valor do imóvel será declarado pela soma do valor original mais a reforma. Para a Receita, o imóvel passou a valer mais e a vantagem aparece no momento de uma venda.

reformas


“Se ela teve um custo maior por causa da reforma, ela terá menos imposto a pagar por ocasião da venda”, afirma o auditor da Receita Federal Luiz Monteiro.





Mas atenção: o proprietário precisa se organizar. “Ela deve lançar essa reforma e guardar todos os comprovantes de material e mão de obra por um período de até cinco anos após ela ter vendido esse imóvel”, ressalta Monteiro.

Newton reformou o apartamento em 2011. Cozinha remodelada, elétrica e encanamento, tudo novo. Sabe que gastou um bom dinheiro. Ele guardou as notas de tudo, mas não incluiu a obra na declaração do Imposto de Renda de 2012.

A Receita explica que não tem problema. “Pode fazer agora. Ele lança a reforma mesmo do ano anterior ou anos anteriores, o valor que ele gastou de material, em mão de obra, e coloca uma observação por lapso não-declarada essa reforma no ano tal”, explica Luiz Monteiro.

Você tem bons motivos para Comprar seu Imóvel na Brasil Brokers - Solicite aqui um Credito Imobiliário.



Por: Carla Modena.
Fonte: G1 

Edição e Publicação | Equipe | Imovel e Dicas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu Nome e Email ao final da Mensagem, caso deseje alguma informação específica.

Atenciosamente.

Brasil Brokers Enjoy