20 de setembro de 2019

Comprar casa totalmente Financiada.





Será que realmente é possível financiar um imóvel sem entrada? Por incrível que possa parecer, ainda existem muitas duvidas.








Vejam algumas informações importantes, para quem precisa comprar a casa própria, e não tem ainda o dinheiro da entrada: 

A primeira informação que você deve saber, é que a maioria dos bancos exigem entre 20% a 50% do valor do imóvel para dar de entrada, ou seja, eles não financiam 100% do valor do imóvel. Se você vai comprar um apartamento de R$ 100.000,00 é importante que tenha no mínimo 30 mil e financie 70 mil. 

O melhor financiamento de imóveis é aquele onde você financia o mínimo possível. O ideal seria ter 50% do preço do imóvel e financiar apenas os outros 50%, isto pode influenciar até na taxa de juros que o banco vai cobrar. 

Outro fator importante é que você financie por poucos anos. Quanto mais longo for o financiamento mais juros você vai pagar. As pessoas se iludem quando observam que o valor da prestação cai quando o financiamento é de 30 anos, em relação a um financiamento de 15 anos. 

A situação ideal seria você ter o maior valor possível para pagar a entrada do imóvel, financiando valores e prazos menores, e nunca o contrário. Existem muitas opções de financiamento com parcelas acessíveis, desde que o comprador tenha uma parte do valor da casa ou apartamento para dar de entrada. 

Às vezes, vale a pena pagar aluguel para ir poupando o dinheiro da entrada.

É claro que você precisa se sacrificar um pouco, e o valor do aluguel deve ser baixo, mesmo que tenha que morar em um bairro com padrão inferior ao que gostaria. O esforço por alguns anos vai valer a pena.

Outra dica importante é não fazer apenas a simulação de financiamento da Caixa Econômica Federal. Existe o Banco do Brasil, Banco Itaú, Bradesco, HSBC, Santander, e diversos outros bancos que também oferecem financiamento para a compra da casa própria. 

Comparar as condições e taxas de juros em diferentes bancos é fundamental. O problema é que muitos se acomodam e só fazem a pesquisa e simulação de financiamento imobiliário nos bancos do Governo, mas devemos lembrar que existem outros bancos e possibilidades.

A maioria dos imóveis esta ainda com preços elevados. Tente comprar um imóvel em um bairro que está se valorizando, normalmente é para onde a cidade está crescendo, e onde existam muitas opções de imóveis sendo construídos, observe onde supermercados e farmácias estão abrindo filiais. 

Estas regiões em crescimento tem um potencial de valorização maior que os bairros densamente povoados, e sem opções de novos imóveis. Lembre-se ainda que construir é sempre um bom negócio. Apesar de gerar trabalho e algumas dores de cabeça, se você conseguir um bom terreno em uma área que ainda vai valorizar, sua economia pode ser de 50% ou mais.



Fonte: Host Pobre.

Edição: Infinite

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu Nome e Email ao final da Mensagem, caso deseje alguma informação específica.

Atenciosamente.

Brasil Brokers Enjoy